sexta-feira, 18 de março de 2011

Florianópolis/SC

Esse ano foi a primeira vez que visitei Florianópolis a turismo. E já adianto pra vcs que amei!

As pessoas falam que tem alguma coisa lá, chamam de "Ilha da Magia", pq as pessoas vão e não querem mais ir embora (confesso que ainda não é o meu caso; fiquei com saudades da minha casinha).

As primeiras 5 noites ficamos em Canasvieira, que fica no norte da ilha.

Hospedagem:
Pousada Vivenda Maria do Mar - pacote para casal em suíte com cozinha (sem café-da-manhã) - R$ 600,00.
Passeios: passeio com barco pirata
Compras: artigos para praia, roupa de praia, artesanatos, camisetas e outras bugigangas
Comida: centrinho com muitas opções de restaurantes, lanchonetes, sorveterias




O centrinho de Canasvieira é bem movimentado durante o dia e a noite. Tem tudo: supermercados, restaurantes, lanchonetes, hotéis, pousadas, sorveterias, farmácia, bancos e um monte de lojas!

Em Canasvieira só tem turista latino! Grande parte dos restaurantes e ambulantes falam em espanhol, mesmo a gente falando em português! Isso foi um pouco irritante!

As últimas 3 noites dividimos o aluguel de uma casa com um casal de amigos na Praia dos Ingleses, R$ 100,00 a diária (uma opção beeem em conta).

As praias que conheci: Canasvieira, Praia Brava, Jurerê Internacional, Daniela, Joaquina e Mole.



Passeio no barco pirata "Corsário Negro"


Praia Brava - "Voltada para o oceano, com ondas fortes, fundo esburacado e forte repuxo, a praia Brava foge ao padrão calmo das praias do Norte da Ilha. No entanto, essas mesmas características atraem surfistas profissionais e amadores de todo o país e faz da praia um dos pontos mais badalados da Ilha".
Tem um quiosque bem legal, o Quiosque do Pirata, que deixa as caixas de som voltadas para a praia.

Jurerê Internacional - "O mar de coloração verde, com temperatura amena e ondas calmas fazem de Jurerê uma praia típica da região norte da Ilha. São pouco mais de três quilômetros de extensão de areia fina e clara, que propiciam uma caminhada agradável. Na água, os veleiros e lanchas do Iate Clube de Santa Catarina dão um toque sofisticado ao visual".
Realmente... num dos dias que visitamos tava rolando mó balada em um iate!

Daniela - "Com três quilômetros de extensão, Daniela é uma praia tipicamente calma, sem ondas e com areias finas".
Ah, não fiquei nem meia hora lá. Começou a chover forte!

Joaquina - "Freqüentada por surfistas, belas garotas, praticantes de vôlei de praia e de um futebolzinho no fim de tarde, é uma das praias que oferece melhor infra-estrutura ao turista, recebendo durante os dias quentes da primavera e verão um grande número de excursões provenientes de todo o Brasil e do exterior.O aglomerado de rochas, situado à esquerda, a iluminação noturna e os chuveiros públicos são algumas das marcas registradas da Joaquina".
A água é azulzinha e dá pra encarar entrar na água se não tiver água-viva!

Mole - "Tradicional point da juventude da Ilha, a Praia Mole, que tem este nome devido à areia solta e macia, é freqüentada principalmente por surfistas e praticantes de parapente, que aproveitam a encosta sul como rampa de decolagem".

O legal de Floripa é que tem tudo pra tds os gostos: praia com onda, sem onda, água azul, verde, dunas, lagoa, noite agitada etc.


Um comentário:

  1. Essa ilha é pra quem tá de bem com a vida!!!

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário!